RSS

INICIANDO UM NOVO ANO

29 dez

preciosa

Toda vez que o ano vai chegando ao fim, o que vejo são pessoas cansadas…

É festa pra cá e pra lá… Amigos secretos, ansiadas e repetitivas reuniões familiares, as mesmas piadas de sempre…

É gente criticando, é gente reclamando, é gente se lamentando, é gente se embebedando ( sempre achei que o ano não da certo para aquele que coloca os pés no ano que se inicia sem o devido equilíbrio emocional, espiritual e físico)… não consigo entender por que se embebedar na passagem do ano…

É um tal de desejar que o ano que se inicia seja diferente do anterior…. ( ledo engano, o ano que se inicia é a continuidade do ano anterior…nada depende dele… tudo depende de nós).

Para mim a “passagem de ano” pode se dar em qualquer época do ano. Ela vai realmente acontecer quando eu resolver mudar, ou seja, fechar um ciclo para começar outro.

A mudança vai acontecer quando EU DECIDO que cada dia poderá ser um novo dia.

Eu, particularmente estou inaugurando um novo ciclo um novo ano. Tenho planos para um futuro próximo e levo em meus planos o que plantei , reguei e colhi neste ano (ciclo) que finalizo.

Vou começar com a FAXINA FÍSICA, assim vai me sobrar espaço para acomodar o que planejo ter. Vou retirar de minha casa(lar) toda a tranqueira que atravanca o espaço para o novo. Vou deixar nos armários e gavetas só o que eu uso, só que me é útil. Nada de ficar guardando coisas só pra “se precisar um dia, tá ali”. Nada disso… vou fazer alguem feliz; tenho certeza de que TEM ALGUEM QUE ESTÁ PRECISANDO AGORA daquilo que guardo ha anos…  São roupas, calçados, livros, discos antigos, utensílios que não uso há anos. Vou liberar os espaços. Chega de guardar o VELHO. Coisas antigas, superadas são muito úteis em museus, para preservação da memória, da evolução da nossa História.

Depois vou fazer a FAXINA EMOCIONAL… começo vasculhando os sentimentos e memórias inúteis aquelas que ainda guardo em meu coração e na memória. São as mágoas vividas, as calúnias recebidas, as mentiras que me roubaram a paz, as traições que me deixaram doente, os punhais amigos que me rasgaram as carnes da alma… Vou alijar tudo de si. Mentalmente, vou colocar tudo em um grande invólucro e vou iniciar o TSUNAME DA BALDEAÇÃO PARA O RALO DO ESGOTO. Será a hora de lavar as “chorume’ das mágoas; e quando estiver com essa “faxina feita”, vou sair LITERALMENTE PARA O ABRAÇO.

Este ano faço 58 anos de vida. Vou pedir um abraço para as primeiras 58 pessoas que eu encontrar na rua e que me olharem nos olhos… Conhecidas ou não. Vou simplismente abraçá-las e desejar saúde e paz (mesmo que me achem louca, é isso que farei).

Devidamente “preparada” vou iniciar o novo ano, o novo ciclo, e vou começar com a minha fé.

Vou viver a dádiva de ser uma FILHA DE DEUS, uma HERDEIRA do seu amor.

Vou começar mais leve (estarei mais leve, sem as cargas pesadas que sempre destruíram as minhas possibilidades de felicidade)

Vou ser feliz!

 

 

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 29 de dezembro de 2012 em MEUS ESCRITOS

 

Tags:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: