RSS

Intensa

26 nov

images

Sou o que sei ser.

Sei que as vezes assusto

As vezes provoco até compaixão

Mas é que em minha forma de ser

Não sigo nem mente nem coração

Sigo minha alma rebelde

Âmago de meu ser

Sigo minha forma intensa de ser.

 

Não sei ser morna… ou sou fria ou sou quente

Ou não me entrego ou o faço totalmente.

Não sei me doar aos poucos

Ou de forma intermitente.

Me jogo de cabeça em mergulho profundo,

Não sei ser garoa… ou sou orvalho ou diluvio

Não sei ser escada… ou sou rampa ou sou ladeira

Não sei ser edredom… ou sou lençol ou sou cobertor

Não sei ser amiga por afinidade

Ou sou colega… ou sou amiga “de verdade”

Do tipo impossível se esquecer.

 

Admiro as pessoas mornas,

Mas não almejo ser como elas.

Até porque me apiedo

De sua forma morna de ser.

Texto de Marluci Brasil (respeite os direitos autorais)

Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 26 de novembro de 2014 em MEUS ESCRITOS

 

Tags:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: